Igreja Adventista palestra Homoafetividade

Igreja Adventista palestra sobre Homoafetividade

Igreja Adventista de Aeroporto realiza palestra sobre Homoafetividade em Guarapari e apresenta preletores especializados em Teologia, Sexologia e Biologia.

O evento aconteceu na IASD Central de Aeroporto nesse Sábado (29/08) e contou com a presença do Pastor Lucas Coelho, Dr Cláudio Paiva e Bruno Bonifácio.

igreja adventista fala de homoafetividade
Igreja Adventista palestra sobre Homoafetividade em Guarapari

O tema Homoafetividade foi amplamente discutido e explicado dentro da Teologia (Bíblia), Biologia e Sexologia.

Questões lógicas, história do homem e comprovações científicas foram expostas, em todas as áreas dos especialistas.

Teologicamente falando

Se pararmos para analisar o campo Teológico, veremos que Deus ama o pecador, mas abomina o pecado. Da mesma forma, quem se considera Cristão, deve respeitar o homossexual, mas não pode e nem deve ser obrigado a aceitar o homossexualismo. Devemos respeitar a todos, independente de cor, comportamento sexual e religião. Devemos ainda respeitar o ser humano, sem sermos obrigados aceitar a ideologia de gênero das escolas, por exemplo. E em outras palavras, a Bíblia é contra a prática do homossexualismo, segundo o livro de Levítico 20:13.

O texto bíblico na tradução JFA (João Ferreira de Almeida) é claro:

Quando também um homem se deitar com outro homem, como se fosse uma mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles.”

Ainda, na NTLH (Nova Tradução Literal Hoje) podemos conferir um texto mais agressivo, porém semelhante: Clique aqui para conferir Levítico capítulo 20, versículo 13.

Após o versículo 13, pode-se conferir ainda, texto contra a Zoofilia (Sexo com animais) e outros assuntos.

E em primeiro lugar, o livro de Gênesis fala sobre Homem e Mulher. E nada mais, ficando assim, quaisquer outras novidades inventadas pelo homem, sob responsabilidade de cada um, que praticar ou aderir, a tais novidades.

Ou seja, temos o livre arbítrio dado por Deus, e podemos fazer o que bem quisermos, arcando depois com as consequências de nossos atos.

Biologicamente falando

Em suma, foram expostos durante o evento, exemplos reais e casos comprovados cientificamente, assim como explicações lógicas e teorias ainda não confirmadas até hoje pela ciência.

Também o Doutorando em Biologia, Bruno Bonifácio, em momento de interação com os convidados e membros da igreja, passou e recebeu informações sobre anomalias genéticas e biológicas. Um exemplo a ser citado, é o da carne bovina, que hoje recebe injeções de hormônios femininos, afetando diretamente o homem, que a consome.

E resumindo ainda, outro exemplo que podemos citar é o tratamento de esgoto, para reutilização da água. Aproximadamente 70% do esgoto é água. E os filtros existentes hoje nos sistemas de tratamento, não filtram hormônios femininos, vindos dos anticoncepcionais expelidos na urina da mulher. Nesse caso, tomar água diretamente da torneira, prejudica e muito, o homem.

No campo da sexologia…

…no vídeo abaixo, Dr Cláudio Paiva descreve Homoafetividade, após preleção do Pastor Lucas Coelho e do Biólogo Bruno Bonifácio.

Por fim, façamos a devida homenagem a “minoria das minorias”: ao Deputado Clodovil Hernandes.

Ele, que era contra o PT e contra a corrupção. Era contra a destruição da família e era também contra a destruição do sistema patriarcal. Ele, que era HONESTO e que foi morto por causa disso.

Em conclusão, gente honesta faz falta. Ainda mais na política.

Nosso respeito ao ser humano, Clodovil Hernandes.

igreja adventista palestra sobre homoafetividade

Sobre Direto Noticias

Portal Direto Noticias - Imparcial, Transparente e Direto. https://diretonoticias.com.br - Notícias de Guarapari, ES e Brasil. Ative as notificações ao entrar e torne-se um seguidor. Caso prefira receber notícias por email, inscreva-se em nossa Newsletter, ou em nossas redes.

Veja Também

Pior que Pronome Neutro é ausência de pronome de tratamento

Pior que Pronome Neutro é ausência de Pronome de Tratamento

Acima de tudo, pior que o ridículo Pronome Neutro, é a ausência de Pronome de …