Deputado Capixaba tenta reduzir ICMS do Café

O Projeto de Lei (PL) 108/2022, de autoria do deputado estadual Renzo Vasconcelos, propõe igualar o ICMS incidente sobre o café Conilon ao do café Arábica. A composição da tributação atual é excessiva e injusta.

Tal diferença causa um desânimo nos agricultores capixabas, pois atualmente, o Espírito Santo pratica alíquota de 12% sobre o Conilon. O PL altera o artigo 5-A, inciso XIV, da Lei Estadual 7.000/2001, que dispõe sobre o imposto.

Deste modo, o pleito prevê que o Conilon (cru, em coco ou em grão), produzidos no estado e com movimentação interestadual para os estados das regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste de café, terá a mesma carga tributária de 7%.

O projeto propiciará um aumento na produção e comércio do Conilon, visto que sua produção será estimulada pela competitividade do café capixaba, e pelo aumento do montante comercializado com a redução do imposto.

O projeto está em tramitação.

Compartilhe essa publicação, clicando nos botões abaixo:

Sobre Redação

Portal Direto Noticias - Imparcial, Transparente e Direto | https://diretonoticias.com.br | Notícias de Guarapari, ES e Brasil. Ative as notificações ao entrar e torne-se um seguidor. Caso prefira receber notícias por email, inscreva-se em nossa Newsletter, ou em nossas redes:

Veja Também

Movimento I.R. do BEM: Transformando Impostos em Impacto Social

Movimento I.R. do BEM: Transformando Impostos em Impacto Social

O movimento I.R. do BEM, idealizado pelo advogado Renato Paixão há uma década, tem como propósito …