MC membro do PSOL e ligado ao Comando Vermelho, assume o cargo de vereador no RJ.

MC membro do PSOL e ligado ao Comando Vermelho, assume o cargo de vereador no RJ

                        O MC ligado ao crime organizado que controla boa parte do tráfico de drogas no estado do RJ, agora também exerce o cargo de vereador pelo PSOL em São Gonçalo.

MC Jhonny Oliver, também conhecido como Jonny de Oliveira, de 35 anos, originário do Complexo do Alemão e residente no morro do Anaia Pequeno, em São Gonçalo, ganhou fama na região ao compor uma música que descreve sua ligação com o Comando Vermelho e suas atividades sexuais enquanto empunha um fuzil, pronto para matar policiais. Em seus versos, ele promete manter relações íntimas enquanto segura seu “AK-47”, desafiando qualquer tentativa de intervenção policial no morro.

O MC ligado ao crime organizado que controla boa parte do tráfico de drogas no estado do RJ, agora também exerce o cargo de vereador pelo PSOL em São Gonçalo desde março. Ele teve sua festa de posse divulgada pelo Comando Vermelho (CV) na cidade e suas redes sociais.

CV é a principal facção criminosa que domina a região. São Gonçalo, com quase 900 mil habitantes, é o segundo município mais populoso do estado do Rio de Janeiro. Membros do CV são ligados aos crimes de estupro, tráfico de drogas, roubo, furtos, lavagem de dinheiro, sequestro, torturas, assassinatos de moradores de comunidades carentes e outros crimes violentos.

Carreira

Em resumo, a carreira de Jhonny Oliver como MC decolou há cerca de 10 anos, caracterizando-se por uma série de obras que combinam apologia ao crime organizado e linguagem de abuso sexual em relação às mulheres. Suas músicas frequentemente homenageiam traficantes, estupradores e assassinos do mundo do crime. Um dos homenageados em suas músicas, é um famoso traficante e estuprador da comunidade da Grota, o traficante Jorginho da Grota. Suas músicas também glorificam o assassinato de policiais.

Além disso, as composições do vereador do PSOL, frequentemente contêm referências de abusos sexuais, como o uso de termos pejorativos em relação às mulheres. Mesmo que algumas das gravações tenham mais de cinco anos, Jhonny Oliver continua a reproduzir músicas que promovem o crime e o desrespeito às mulheres.

Enfim, como vereador do PSOL, Jhonny Oliver, recebe um salário mensal de aproximadamente R$ 15.000,00. Até o momento, suas principais ações no cargo incluem a proposição de 61 moções de aplauso, a maioria destinada a cantores do funk, conhecidos na região como “MCs do Tráfico“.

fonte: jornalista Allan dos Santos

Compartilhe essa publicação, clicando nos botões abaixo:

Sobre Redação

Portal Direto Noticias - Imparcial, Transparente e Direto | https://diretonoticias.com.br | Notícias de Guarapari, ES e Brasil. Ative as notificações ao entrar e torne-se um seguidor. Caso prefira receber notícias por email, inscreva-se em nossa Newsletter, ou em nossas redes:

Veja Também

Abuso de Poder e Violação Eleitoral: Lula Utiliza Recursos Públicos em Evento Político Antecipado

Abuso de Poder e Violação Eleitoral: Lula Utiliza Recursos Públicos em Evento Político Antecipado

Testemunhamos durante o feriado de 1º de Maio mais um episódio de utilização descarada da …