5 dicas para prolongar a saúde

5 dicas para prolongar a saúde da bateria do celular

As baterias dos nossos celulares deixaram de usar níquel, mudando para íons de lítio. As conhecidas baterias Li-Ion. Portanto, os cuidados que tínhamos antes, para prolongar a saúde da bateria, sofreram algumas modificações. Por exemplo, já não é necessário esperar que o celular esteja totalmente sem bateria, para realizar a primeira recarga.

No entanto, existem alguns hábitos que podemos adotar no dia a dia, para que as baterias tenham maior vida útil. Ainda que, inevitavelmente, a bateria perca capacidade depois de algum tempo, ao seguir as dicas abaixo, podemos reduzir o risco de viciar a bateria do celular:

1 – O percentual recomendado é entre 20% e 80%;

Grandes empresas e fabricantes de celulares como Apple, ou mesmo a Tesla, que usam baterias em seus carros elétricos, indicam que o melhor percentual de bateria está entre o 20% e 80% do total.

O motivo? Segundo os especialistas, as baterias sofrem um estresse mais alto quando estão entre 0-20% e entre 80-100%. Quanto mais estresse menor a vida útil do aparelho.

Além disso, os ciclos de vida se perdem quando o nível chega aos 100% da bateria. Quanto mais ciclos de vida completados, menor a vida útil da bateria. Por isso não recomendamos deixar a bateria acabar e recarregar sempre o celular até 100%.

2 Não carregue a bateria de uma vez;

Você é daquelas pessoas que deixam o celular carregando a noite toda? Ainda que seja o comportamento da maioria, o ideal é manter a bateria até 80%. Quando carregamos o celular de noite toda, a bateria permanece muito tempo acima dos 80% de capacidade, portanto, muitas horas submetida a estresse, acabará reduzindo a vida útil.

3 – Não use o celular enquanto estiver carregando;

Se possível, evite usar os Dados Móveis (3G ou 4G) assistindo vídeos, acessando a internet e redes sociais, enquanto estiver carregando o aparelho. Usar o celular durante o carregamento é duplamente prejudicial para a vida útil do aparelho. Primeiro porque estamos submetendo a bateria a um estresse, por consumir o que estamos carregando. Segundo porque isso aumenta a temperatura da bateria, fato que contribui para sua degradação.

4 – É melhor usar o carregador original;

Os fabricantes de celulares sabem que um dos principais problemas dos usuários é a duração da bateria. Dessa forma, trabalham para criar sistemas que sejam adequados para cada dispositivo.

Por isso cada marca desenvolve um carregador com voltagem e amperagem específicos. Ao usar o carregador original, garantimos que estes valores sejam os corretos e otimizados para a bateria do aparelho.

Se usamos um carregador genérico ou de outro aparelho, pode ser que não seja o ideal para a bateria do celular já que foi desenvolvido para outro modelo ou tipo de bateria.

5 – Evite o carregamento rápido e preserve a saúde da bateria.

O carregamento rápido é muito útil para quando temos pouco tempo para recarregar o celular, no entanto, com esse tipo de carregamento, submetemos a bateria a um nível de desgaste alto, o que ajuda a deteriorar a bateria. Assim, o ideal é limitar a função, se possível, e utilizá-la apenas quando for realmente necessária.

 

fonte: Daniela Lima – Papernest

Sobre Direto Noticias

Portal Direto Noticias - Imparcial, Transparente e Direto. https://diretonoticias.com.br - Notícias de Guarapari, ES e Brasil. Ative as notificações ao entrar e torne-se um seguidor. Caso prefira receber notícias por email, inscreva-se em nossa Newsletter, ou em nossas redes.

Veja Também

Condomínio 4.0: De armário inteligente a mercado autônomo

Condomínio virou sistema operacional. Até pouco tempo atrás, os prédios eram analógicos, hoje são inteligentes. …