Brasil irá sediar eventos globais de energia limpa em 2024

             No mesmo ano, o Brasil exercerá a presidência do G20

O Brasil foi escolhido, por unanimidade, para sediar, em 2024, a 15ª Reunião Ministerial de Energia Limpa (“Clean Energy Ministerial”, CEM) e a 9ª Reunião Ministerial da “Missão Inovação” (“Mission Innovation”, MI), como reconhecimento do perfil limpo da matriz energética brasileira e do papel de liderança exercido pelo país nessa área.

No mesmo ano, o Brasil exercerá a presidência do G20, grupo das principais economias do mundo, e vinculará os dois eventos à Reunião Ministerial de Energia do agrupamento.

A CEM e a MI são plataformas multilaterais que reúnem países em desenvolvimento e desenvolvidos, além de organizações internacionais e empresas, com o objetivo de acelerar a transição para as energias limpas ao redor do mundo. Os projetos de colaboração internacional desenvolvidos pelas plataformas buscam estimular pesquisa e inovação, assim como aspectos vinculados à comercialização de tecnologias de energia limpa em larga escala.

O Brasil é membro fundador dessas plataformas e co-lidera iniciativas de alto perfil na CEM, como linhas de trabalho voltadas à modernização dos sistemas elétricos e a Plataforma para o Biofuturo, projeto multilateral dedicado a ampliar a utilização da bioenergia e promover a bioeconomia sustentável em todo o mundo.

Os encontros serão realizados na cidade de Foz de Iguaçu (PR), no campus de Itaipu Binacional, usina hidrelétrica líder mundial em geração de energia limpa.

 

fonte: Ministério de Minas e Energia

Compartilhe essa publicação, clicando nos botões abaixo:

Sobre Redação

Portal Direto Noticias - Imparcial, Transparente e Direto | https://diretonoticias.com.br | Notícias de Guarapari, ES e Brasil. Ative as notificações ao entrar e torne-se um seguidor. Caso prefira receber notícias por email, inscreva-se em nossa Newsletter, ou em nossas redes:

Veja Também

Advogada esclarece que herdeiros não são responsáveis pelas dívidas de um falecido

Advogada esclarece que herdeiros não são responsáveis pelas dívidas de um falecido

A sucessão é um processo inevitável que ocorre após a morte de uma pessoa, envolvendo a …