Se Eu Fosse Um Demônio

Se Eu Fosse Um Demônio

                 Se Eu Fosse Um Demônio – No artigo, falo sobre a razão de existir, dos que foram expulsos do céu e hoje, vivem nos perseguindo dentro de nossas casas, tirando a nossa paz e a nossa saúde

Acima de tudo, e se eu fosse um demônio? Qual seria o meu propósito, sabendo que já estou condenado? Qual seria a minha razão de existir, afinal?

Coloque-se no lugar deles e pense comigo: “eu era um anjo e estava ao lado do Deus de Israel. Logo, também estava ao lado de Cristo, durante a criação do mundo. Um belo dia, eu caí na burrice de entrar em meio a uma rebelião para tomar o trono, achando que a criação poderia superar o criador, ou ser mais forte que ele. Isso, acreditando nas mentiras daquele, que teve inveja de Cristo, ao perder sua posição na hierarquia celestial. Não dei valor ao que eu era, e ao que eu tinha. Após me rebelar junto aos demais, fui expulso junto com eles e simplesmente perdi tudo, condenado a viver na terra. E agora? O que farei, como demônio?”

Em resumo, quais são as metas e objetivos dos demônios, aqui na terra? Isto é, depois de perder tudo e sem nada pra fazer, o que eles poderiam fazer, após a péssima escolha que fizeram?

O manual diz que satanás veio para roubar, matar e destruir. Muito se afirma que a mentira é coisa dele, etc, e isso faz total sentido. Portanto, se estão todos condenados e não há volta, só resta a eles, tentarem levar o máximo de pessoas possível, pro lado deles. O pastor e arqueólogo, Dr Rodrigo Silva, afirma que “os dois lados nos querem.” Nesse caso, temos uma escolha a fazer: de que lado você está?

O que incomoda um demônio?

Certo dia, ao ouvir o pai nosso em aramaico, fui visitado por um aqui em casa, enquanto dormia. Tive o meu pé empurrado, e ainda sonolento, abri o olho e só o vi em formato de sombra, na frente da minha cama. Após orar de olhos fechados, simplesmente voltei a dormir. Pelo visto, o som o incomodou. Não sei aramaico e por isso, não tenho certeza de que o idioma falado é realmente esse. Como achei no YouTube, supostamente na frequência de 432Hz (frequência de cura), resolvi experimentar, achando que não teria nenhum prejuízo. Em resumo, como o som incomodou, acredito que seja realmente o pai nosso, em aramaico. Quer fazer um teste e ouvir após a meia noite? Segue link: https://youtu.be/2Y7xScNMD4c?si=SRGA68KBQvOpZ9UM

Além disso, outra coisa que incomoda muito a eles é o casamento. E a prova disso, é esse que tenta criar conflito entre mim e minha esposa a 16 anos seguidos aqui. Ou seja, pelo que vejo, minha união com uma pessoa do sexo oposto e meus filhos, incomodam muito os que estão nas trevas. Seja no mundo espiritual ou aqui, no mundo material. Há quem faça trabalho de feitiçaria contra mim, por inveja. Da pra acreditar?

O que também deve incomodar muito os demônios, é a presença do Deus de Israel ou dos seus anjos por aqui. Ainda mais, depois que tive uma visitação, a poucos dias atrás. Fui abençoado no silêncio do meu quarto, após orar e me deitar, após a meia noite. Imagine o quanto estão com ódio de mim nesse momento? Ou seja, eles tentando me levar pro inferno, e eu aqui orando, pra agradar o criador, que os expulsou.

Enfim, e se eu fosse um demônio?

Portanto, se eu fosse um demônio, eu simplesmente sairia pelo mundo, dizendo a todo mundo que Deus existe e o que eu fiz pra ser expulso. Eu curaria, se possível, e despertaria a todos, aparecendo pra eles. Ajudaria a todos, em todos os lugares. Usaria o pouco que me resta, pra levar todos, pra onde eu não posso mais ir, graças a burrice que cometi no passado.

E se os meus pares quisessem me matar por isso, não teria o menor problema. Afinal, do que adianta viver, estando longe do criador? Se minha existência não faz o menor sentido, pra que existir?

Eu simplesmente sairia ajudando todo mundo, espalhando a verdade e despertando todos que estão dormindo. Não faria o menor sentido, eu fazer qualquer outra coisa.

Compartilhe essa publicação, clicando nos botões abaixo:

Sobre Ary Ribeiro

Jornalista no portal Direto Notícias e comentarista político na Rádio Nova Iguaçu FM - Todo o conteúdo criado e publicado por mim, é de minha inteira responsabilidade. Artigos de opinião e notícias checadas e publicadas por mim, não expressam necessariamente a opinião do Direto Notícias, ou sua posição.

Veja Também

Em "O fracasso do ateísmo", autor reflete sobre o ateísmo e ajuda a repensar o mundo atual

Em “O fracasso do ateísmo”, autor reflete sobre o ateísmo e ajuda a repensar o mundo atual

Publicado pela PAULUS Editora, o livro “O fracasso do ateísmo”, escrito por Jesús María Silva …