Conflito entre Israel e Hamas pode gerar impactos no Agronegócio

                      Especialista em investimentos para o segmento agro cita pontos que merecem atenção no cenário atual
O conflito entre Israel e Hamas tem sido foco de atenção e preocupação nos últimos dias. Além das inúmeras perdas humanas, existem outras questões indiretas que são avaliadas, como os impactos logísticos, as relações comerciais do Brasil com Israel e os prejuízos ao setor agrícola.

De acordo com Rafaela Debiasi, especialista em investimentos para o segmento agro há mais de dez anos,  o conflito gera impactos indiretos, mas preocupantes, para o Brasil, principalmente no setor do agronegócio. “Primeiramente, há a questão dos preços do petróleo, que normalmente são impactados em conflitos assim e afetam diretamente o custo de produção de fertilizantes, diesel e etanol, influenciando a produção agrícola e os preços dos grãos”, explica.

Segundo Rafaela, a oscilação dos preços do petróleo pode afetar a segunda safra de milho e a competitividade do etanol. “O Brasil monitora de perto as relações comerciais e os desdobramentos do conflito no Oriente Médio, pois isso tem implicações significativas em seu agronegócio”, diz.

A especialista ressalta que o Brasil mantém fortes relações comerciais com Israel, exportando uma ampla variedade de produtos agrícolas, incluindo carnes, soja e cereais. “No entanto, também importamos fertilizantes, defensivos e sementes de Israel. A continuidade do conflito pode afetar essa dinâmica comercial e criar riscos logísticos para as exportações brasileiras, principalmente para países árabes, que são parceiros comerciais importantes”, avalia.

Neste cenário, Rafaela enfatiza que é fundamental manter um olhar atento sobre as dinâmicas globais e as conexões entre o conflito internacional e o agronegócio brasileiro. “Os desafios e impactos estão interligados, e o setor agrícola busca se adaptar a essa nova realidade de incertezas”, finaliza.

Sobre Rafaela Debiasi

Rafaela Debiasi possui vasta experiência no mercado financeiro. Graduada em administração pela Universidade La Salle, Rafaela também possui MBA em Gestão de Pessoas e Liderança, bem como MBA em Gestão de Investimentos.  Com mais de uma década de atuação no mercado financeiro, ela ocupa atualmente posição de liderança nas áreas de segmento PF, PJ e AGRO, além da área de investimentos na cooperativa Ouro Verde – MT.

Sua paixão pelos negócios e sua origem e vivência como filha de produtores rurais deram a ela uma perspectiva única e uma compreensão profunda do setor agrícola. Essa experiência abriu as portas para ser comentarista do agronegócio e de investimentos, sendo uma palestrante e mediadora reconhecida no Centro-Oeste brasileiro.

fonte: Carolina Lara

Compartilhe essa publicação, clicando nos botões abaixo:

Sobre Redação

Portal Direto Noticias - Imparcial, Transparente e Direto | https://diretonoticias.com.br | Notícias de Guarapari, ES e Brasil. Ative as notificações ao entrar e torne-se um seguidor. Caso prefira receber notícias por email, inscreva-se em nossa Newsletter, ou em nossas redes:

Veja Também

Referência em infoprodutos, Thiago Finch ensina a vender mais

Referência em infoprodutos, Thiago Finch ensina a vender mais

Thiago Finch, uma das personalidades mais proeminentes no cenário do marketing digital, alcançou um feito …