Taurus Lançará Revolver com 3 calibres no Brasil


A princípio, a direção da empresa Brasileira de armas Taurus, deixa claro que tem a intenção de lançar no Brasil, o novo modelo de revolver RT 692. Tendo em vista que este modelo, já  foi lançado nos Estados Unidos no ano de 2019 e tem angariando vários admirados entre os entusiastas de revolveres. Esse modelo RT 692 trás algumas novidades para o mercado americano, e trará grandes e revolucionarias novidades especialmente para o mercado brasileiro. O revólver multicalibre terá 7 tiros, e o modelo será designado como Tracker 692, em 357″/.38″, e também virá com mais um outro cilindro no calibre 9mm. Além do mais estará disponível no acabamento inox ou oxidado preto, cano em 3 e mira ajustável, no Brasil por enquanto (já possui 6,5 polegadas nos Estados Unidos).

À primeira vista, entre as muitas características positivas, ele terá uma particularidade muito especial no Brasil. Além de ser um revólver que calça e dispara o calibre 357 Magnum, e 38 SPL, ainda tem um outro cilindro intercambiável, que calça e dispara o calibre 9 mm Parabellum(um calibre muito mais barato em outros países) não sendo o caso do Brasil.

Contudo, a grande surpresa para o Brasil, será que ele pela primeira na história brasileira, será uma arma em que terá apostilado tanto no SIGMA do exército para os famosos e exigentes CACs (Caçadores, Atiradores e Colecionadores), quanto no SINARM polícia federal, a caraterística de se poder adquirir em lojas, três calibres distintas, o 357 Magnum, o 38 SPL e o 9mm Parabellum, que será calçado em um dispositivo tipo estrela, que virá junto da arma no momento da compra. Lembrando que um revolver apostilado como 357 Magnum, podendo comprar 38 SPL é algo totalmente inédito no Brasil. Situação ao qual, se espera que abram precedentes no pais para que os possuidores de revolver 357 Magnum, também o possam fazer com outros modelos no futuro.

Nesse meio tempo, nos Estados Unidos o modelo RT 692 já foi lançado, inclusive em algumas variações que não se terá no Brasil, pelo menos por enquanto ainda não. No mercado Norte Americano o modelo RT 692 foi lançado em três polegadas, em quatro polegadas, e em seis polegadas. No entanto, no Brasil, pelo menos por enquanto, será apenas lançado em três polegadas. Levando em consideração é claro, que meia polegada em cada um dos canos, é destinado ao compensador de recuo, também conhecido no Brasil como quebra chamas.


Da mesma forma, não podemos deixar de frisar, que em um cilindro que causa o calibre 357 Magnum, também pode calçar o 38 SPL. Mas não podemos comprar munições no Brasil, no calibre 38 SPL caso tenhamos uma arma registrada no calibre 357.

 

Ademais, é bom levantar uma reflexão a cerca que em tese, teoricamente onde calça o calibre 38 SPL, também pode ser colocado o calibre 38 Short e o calibre 38 Long. Tendo este novo revólver, a capacidade de intercambiável os cilindros de munição, no caso para o calibre 9 mm, também em tese, teoricamente e muito provavelmente possa vir a causar também o calibre de pistola 9 mm curto, o Calibre .380, e calibre 38 Super para pistola. Uma característica que existem em alguns revólveres europeus calibre 9 mm. Mas até então não se sabe nada para o Brasil. Todavia recomendando-se apenas, o uso da arma e das munições, como recomenda o próprio fabricante. Juntamente com isso, não se deve usar munições não recomendadas pelo fabricante.

 

Da mesma forma, o que será certo, garantido e seguro, é que a arma terá como vantagem, a inédita viabilidade de ter junto a seus registros, o fato de ser apostilado para aquisição das lojas, o calibre 357 Magnum, o calibre 38 SPL, e o calibre 9 mm Parabellum. De acordo com as devidas recomendações do fabricante.

Por outro lado, uma caraterística interessante do RT 692, é o fato de se  poder trocar o cilindro de munições, pressionando um botão lateral da arma. E para  o deleite dos aficionados em revolveres de cilindros inteiriços,  o modelo  RT  692,  não possuirá entelhes. Caraterística amada por uns, e não muito apreciada por outros, justamente por deixar a arma mais pesada. O que a torna mais incomoda de portar, porem, com um recuo muito mais controlável na hora do disparo.   

Segundo a diretoria da empresa, que já lançou o modelo RT 692 nos Estados Unidos com sucesso, eles tem a intenção de lançar o modelo para a venda no Brasil, ainda no primeiro semestre do ano de 2020. Segundo fontes, muito provavelmente a partir de janeiro de 2020, já se tetra noticias no mercado nacional sobre esse modelo. Faltando verificar se a arma será produzida nos Estados Unidos e importada para o Brasil. Ou será fabricada localmente. O projeto já é da arma já está sobre análise no Centro de avaliação do Exército na Marambaia. Aguardando apenas a sua liberação.

 

Em conclusão, os aficionados por armas, em especial revólveres, estão tremendamente ansiosos para o lançamento desse modelo de revolver no Brasil. Outros, no entanto, tem a esperança que a partir desta situação, todos os portadores e possuidores de armas no calibre 357 devidamente registrados, tanto no exército pelo SIGMA, para os CACs (caçadores, atiradores, e colecionadores), quanto também aqueles que têm armas registradas no SINARM da Polícia Federal, possam a partir de então, criar um precedente em que eles possam mediante este fato inédito no Brasil, virar uma espécie de jurisprudência, e que depois disso, todos os possuidores de calibre 357 no Brasil, também possam adquirir calibre 38 SP L, 38 long, 38 short, como acontece em vários outros países do mundo. Parabéns a Taurus, uma indústria nacional, competitiva internacionalmente, por mais essa inovação

Sobre Marcelo de Medeiros

Articulista no portal Direto Notícias - Todo o conteúdo criado e publicado por mim, é de minha inteira responsabilidade. Artigos de opinião e notícias checadas e publicadas por mim, não expressam necessariamente a opinião do Direto Notícias, ou sua posição.

Veja Também

Companhia aérea revela beliches

Companhia aérea revela beliches para passageiros da classe econômica

Dormir no avião deve ficar mais acessível, mas é em beliche. A Air New Zealand …