Diretoria do Brasil 35 Guarapari toma posse em Vitória

Diretoria do Brasil 35 Guarapari toma posse em Vitória

A princípio, o dia e ontem (15/12) foi decisivo para Guarapari e região. Isso porque, a nova diretoria do partido Brasil 35 em Guarapari, tomou posse em Vitória.

Em resumo, o evento contou com a presença da secretária estadual Fabrícia, e do presidente estadual, Paulo Bastos, que assinou as fichas da nova diretoria. “O partido terá soberania para tomadas de decisão em Guarapari”, afirmou o presidente estadual, após abonar as fichas dos novos membros.

Em outras palavras, liberdade, autonomia e soberania são as coisas mais importantes para um partido. Isso porque, vemos repetidamente, ano após ano, maus políticos tentando destruir as cidades onde se elegem, dominando partidos com atitudes autoritárias. Isto é, proíbem pessoas de bem de concorrer, só dando espaço para candidatos ficha suja. Quem sempre paga por essa politicagem e práticas da “velha política” é o povo.

Enfim, a estadual passou segurança para a municipal, além de dar a palavra de honra, a todos os presentes. Além disso, nasce um grupo forte, com pessoas de bem em Guarapari/ES.

A diretoria do Brasil 35 em Guarapari ficou da seguinte forma:

  1. Presidente – Henrique de Barros (vulgo Barrinha)
  2. Vice-presidente – José Mauro (vulgo irmão)
  3. Secretário – Ary Ribeiro (ONG Muda Guarapari)
  4. Tesoureiro – Marcos Esteves
  5. Suplente – Alessandra Bourguignon

Abaixo, os pré-candidatos para 2022, no estúdio particular do partido: Dra Dinalva Fernandes (Diná), José Mauro (irmão) e Henrique de Barros (barrinha).

Sobre Direto Noticias

Portal Direto Noticias - Imparcial, Transparente e Direto. https://diretonoticias.com.br - Notícias de Guarapari, ES e Brasil. Ative as notificações ao entrar e torne-se um seguidor. Caso prefira receber notícias por email, inscreva-se em nossa Newsletter, ou em nossas redes.

Veja Também

Fiúza fala sobre URNAS ELETRONICAS

Fiúza fala sobre URN4S Eletrônicas

Fiúza fala sobre URN4S Eletrônicas e parece não incomodar o ministro Alexandre de Moraes. O …